Sertum palmarum brasiliensium, ou, Relation des palmiers nouveaux du Brésil : découverts, décrits et dessinés d'après nature
Author Rodrigues, João Barbosa, 1842-1909
Publisher Bruxelles : Imprimerie Typographique Veuve Monnom
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-medium 2 v.
Abstract A história Bibliográfica de Sertum palmarum brasiliensium... é a seguinte: em 1900, o Deputado Federal por São Paulo, D. Augusto César Miranda Azevedo, apresentou ao Congresso Nacional uma emenda à proposta orçamentária para 1901, autorizando o Poder Executivo "a mandar imprimir na Imprensa Nacional o texto e as estampas da monografia sobre palmeiras do botânico brasileiro Dr. João Barbosa Rodrigues..." Entretanto, a autorização não pôde ser efetivada porque a Imprensa Nacional não dispunha de equipamento para a reprodução de estampas. Em 1901, o Senador pelo Estado do Pará, Dr. Lauro Sodré, apresentou emenda à proposta orçamentária para 1902, cuja lei estabeleceu no art. 6º : "é o Governo autorizado a mandar imprimir na Europa ou em país onde houver mais vantagem, a obra Sertum palmarum..., abrindo para tal fim o necessário crédito, e de acordo com o autor". O crédito -- duzentos contos de réis -- foi finalmente, aberto o Decreto nº 4.428, de 12 de junho de 1902, assinado por Campos Sales e referendado por Sabino Barroso, Ministro da Justiça. A obra foi impressa em Bruxelas sob a direção do próprio Barbosa Rodrigues, que, para esse fim ali se demorou nove meses. Trata-se de trabalho gráfico de primeira ordem, tanto pela reprodução colorida das estampas, como pelo texto e encadernação.Trata de todas as espécies de palmeiras do Brasil, cujo número total é de 383, sem contar as variedades, e das quais 166 foram descobertas por Barbosa Rodrigues. Deve-se tomar em consideração, ainda, que muitas destas espécies novas crescem em regiões longínquas e pouco acessíveis e que as 174 estampas magnificas foram todas aquareladas pelo própria autor, durante as suas viagens.
Subject Botânica, Brasil
Botânica, obra pictórica
Flora, Brasil, séc. XIX
Palmeira, Brasil
Description João Barbosa Rodrigues nasceu em 1842, em Minas Gerais, e morreu no Rio de Janeiro, em 1909. Fez os cursos primários e secundários no Internato Pedro II. Matriculou-se, em seguida, na Escola Central de Engenharia, pela qual diplomou-se em 1869. Dedicou-se ao estudo de Botânica, Etnografia e Antropologia, tendo composto, em 1868, monumental trabalho sobre as orquídeas do Brasil, em dezessete volumes. Em 1871, a Princesa Regente encarregou-o de explorar o vale do Amazonas, onde se demorou três anos e meio, tendo publicado cinco importantes relatórios sobre esta missão.Descrições técnicas em latim e notas em francês.Citação : Blake, Sacramento. Diccionario bibliographico brazileiro. Rio de Janeiro: Typographia Nacional, 1883-1902.v. 3, p. 361.Retrato com imagem da assinatura de João Barbosa Rodrigues [front.].SYS-18002
Date 1903
URI http://bd.camara.gov.br/bd/handle/bdcamara/21219

Show full item record Show simple item record



Files in this item

Name: Size: Format: Visualização
serturn_ palrnarum_rodrigues_volume1.pdf 739.9Mb Adobe/PDF Thumbnail
serturn_ palrnarum_rodrigues_volume2.pdf 547.8Mb Adobe/PDF Thumbnail
serturn_ palrnarum_rodrigues_volume1_qrcode.png 2.376Kb PNG image Thumbnail
serturn_ palrnarum_rodrigues_volume2_qrcode.png 2.284Kb PNG image Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)