Is Lady Justice blind? Reading Brazil’s 2012 Affirmative Action Decision through the struggle for gender equality
Author Knoll, Travis
Publisher Brasília : Câmara dos Deputados, Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-ispartof E-Legis - Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação da Câmara dos Deputados
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-citation E-legis, Brasília, n. 24, p. 39-62, set/dez 2017, ISSN 2175.0688
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-medium 24 p.
Abstract Este artigo pretende aprofundar-se no acórdão do ADPF do Supremo Tribunal Federal que decidiu de forma unânime manter o sistema de cotas da Universidade de Brasília (UnB) contra a alegação do Partido Democratas (DEM) de que tal sistema violava preceito fundamental da constituição (a ADPF é remédio jurídico que serve como último recurso na resolução de controvérsia constitucional).
Subject Ação afirmativa
Description Tiítulo em português : A dona justiça é cega? Lendo a decisão de ação afirmativa de 2012 No Brasil através da luta pela igualdade de gêneroDossiê: Crise, discursos políticos e projetos de mudança social
Date 09/2017
URI http://bd.camara.gov.br/bd/handle/bdcamara/36022

Show full item record Show simple item record



Files in this item

Name: Size: Format: Visualização
lady_justice_knoll.pdf 488Kb Adobe/PDF Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)